Chevetinho

Chevetinho

Não, não olhe pra mim.
Não gostaria que a imagem do que hoje sou, esse ser chinfrim,
Ficasse registrada em seus olhos como sendo a sua última lembrança de mim.
Preferiria que guardasse em seu olhar, com carinho,
A minha imagem de quando estávamos juntos,
E viajávamos pelo Brasil naquele meu chevetinho.
Que saudade daquele meu carrinho…

Devasso

Eu não queria apenas te ver,

Queria sentir o calor do teu abraço,

A me envolver,

Confortando-me em teu regaço.

Sei que é um pedido nada a ver,

Pois entre nós não há nenhum laço,

Sabia, contudo, que andava a me querer,

Surpreendeu-me, assim, seu embaraço.

Achava que naquele momento fosse ser

Um tanto mais devasso…